24 outubro, 2012

Silêncios e palavras



Há nos silêncios de nós muitas palavras que apenas encontram refúgio nos ecos da alma.


Texto e foto
Ailime
24.10.2012

12 comentários:

  1. Profundo,lindo!! beijos,chica

    ResponderEliminar
  2. uma pequena frase com tanta profundidade
    beijinhos

    ResponderEliminar
  3. Já tudo foi dito acima, uma frase com mesmo muita profundidade!

    ResponderEliminar
  4. E a foto está excelente!...

    ResponderEliminar
  5. Oi Ailime!! Passando para conhecer seu blog e exatamente o que a frase diz que no silêncio de nós há muitas palavras para serem ditas e infelizmente por vários motivos ficamos calados, sofrendo, com angústia..e tudo que fica preso por não poder colocar para fora o que sentimos. Parabéns pelo blog, já estou te seguindo. Abraços. Sandra

    ResponderEliminar
  6. Por vezes gosto demasiado dos meus silêncios...
    Bjs

    ResponderEliminar
  7. Querida amiga

    Há sempre
    muitos sons,
    presentes nos silêncios.
    Cabe ao coração,
    entendê-los.

    Para cada dia,
    um novo sonho...

    ResponderEliminar
  8. Uma frase reveladora e reflexiva!
    obrigada pela visita carinhosa ao meu blog
    beijos e um bom fim de semana
    Zizi

    ResponderEliminar
  9. Ailime Muito atencioso esta entrada, no silêncio da mensagem nos brota do nosso coração.
       Saudações de texto e Abstração Reflexão

    ResponderEliminar
  10. Uma grande verdade minha amiga, há silêncios que falam 1000 palavras.
    Beijinhos
    Maria

    ResponderEliminar
  11. Passando para te desejar um ótimo domingo!! Abraços. Sandra

    ResponderEliminar
  12. Isto é tao verdade, porque os silêncio falam tantas vezes mais altos que palavras... mas so encontram o eco dentro de nós mesmos... na alma que se faz presente mesmo quando nao somos ouvidos...

    beijinho grande

    ResponderEliminar

Nas palavras que escrevemos ouvimos o bater do nosso próprio coração. Elas revelam a nossa alma e são uma forma de expressão dos sentimentos que nos invadem e que são parte integrante de nós.
Muito obrigada pela sua visita e/ ou comentário. Ailime