16 fevereiro, 2013

Palavras de mim



Durante um largo período da minha vida corri na vertigem do tempo por entre multidões arrojadas como se de uma batalha se tratasse e senti que o mundo me subjugava. E quanta energia desperdiçada. Hoje tento caminhar tranquilamente absorvendo no canto das águas os sons que  emanam da canção que a natureza oferece na liberdade de ser.

Ailime
16.02.2013
Imagem Google 

11 comentários:

  1. Esse passar pela vida com tranquilidade, tudo percebendo e ouvindo ,faz bem! beijos,chica

    ResponderEliminar
  2. Minha amiga eu ainda estou na fase de correr e continuar a correr. O tempo é pouco para o muito que tenho para fazer. Costumo visitar os amigos virtuais ao fim de semana, mas neste não vai dar para visitar todos os que deixaram comentários ao longo da semana, pois entre limpezas, ir tratar da minha mãe e ajudar o Pedro a estudar francês e Desejo-lhe uma boa semana.
    Beijinhos
    MAria

    ResponderEliminar
  3. Essas descobertas que fazes de correr e de caminhar tranquilamente também se vê nessa cascata. As águas também são assim, ora correm, depois caminham para os rios.
    Obrigada por tão linda mensagem.

    ResponderEliminar
  4. Todos temos períodos assim, em que coremos pela vida como se ela nos quisesse fugir e o tempo pudesse ser-nos roubado. Depois descobre-se que há coisas mais importantes à nossa espera no silêncio e na tranquilidade dos dias. E mais uma fase atravessamos, mais uma fase para nos aperfeiçoarmos na experiência da vida.
    Beijinhos e boa semana

    ResponderEliminar
  5. Na primeira linha: "corremos"

    ResponderEliminar
  6. Vi, através de tuas palavras, os sentires que hoje nos atraem o pisar;caminhar no som das águas.
    Bela mensagem, Ailime.
    Bjinhos,
    Calu

    ResponderEliminar
  7. Querida amiga

    Penso que na vida,
    este é um
    dos mais verdadeiros
    aprendizados.

    Desejo que o amor,
    faça morada em seu coração.

    ResponderEliminar
  8. "Na liberdade de ser." Maravilhoso, Ailime!
    Um novo tempo, sem correria... Quietude, ouvindo o canto das águas e sendo mais plena!

    Um BeiJÃO...

    ResponderEliminar
  9. Incrível como eu me sinto tanto assim!! obrigada por partilhar tão linda mensagem, que tanto me diz...
    Bjs

    ResponderEliminar
  10. ... entretanto partilhamos

    e intervimos na paisagem

    ResponderEliminar
  11. "caminhar tranquilamente absorvendo no canto das águas os sons que emanam da canção que a natureza oferece na liberdade de ser." ---> LINDO! E devia ser apanágio de cada um... UM beijinho imenso


    ResponderEliminar

Nas palavras que escrevemos ouvimos o bater do nosso próprio coração. Elas revelam a nossa alma e são uma forma de expressão dos sentimentos que nos invadem e que são parte integrante de nós.
Muito obrigada pela sua visita e/ ou comentário. Ailime